quinta-feira, março 27, 2008

Fragmento do Nada





“- Na nossa terra, dizia um personagem, aconteceu uma coisa ... inacreditável...
Ou melhor, está para acontecer ... é difícil de explicar
... começou assim:
a leste de nossa terra há um lago...
ou melhor dizendo, havia...
Tudo começou quando, certo dia o lago desapareceu...
pela manhã, não estava mais ali.
Compreenderam?
- Não, quer dizer que secou? Disse um outro.
- Não. Se assim fosse, haveria ali um lago seco.

No lugar onde havia o lago não havia nada...
Nada mesmo, compreendem?
- Havia um buraco?
- Não, não havia um buraco.... um buraco ainda é alguma coisa.

E ali não há nada, e isso é que é difícil de explicar.
É como se uma pessoa ficasse cega,
quando olhasse para esse lugar...”


“A História Sem Fim”, de Michael Ende

quinta-feira, março 06, 2008

Curso 2008

PROGRAMA DO CURSO 2008


Sujeito, Desejo e Discurso.

Estrutura do curso
O Curso será estruturado a partir dos três eixos temáticos:

1. O Sujeito.

· A noção de sujeito na psicanálise: de Descartes a Lacan.
· Sujeito e Inconsciente
· Os dois modos de causação do Sujeito.


2. O Discurso

· A psicanálise é uma prática discursiva
· O Sujeito como efeito do Discurso
· Discurso e Desejo


3. O Desejo

· Desejo e Necessidade
· Desejo e Demanda
· Freud: O Desejo só se realiza no sonho
· O Sujeito desejante.


Alenka Zupančič: sobre o mal

Sobre o mal:  uma entrevista com Alenka Zupan Č i Č “Aqui, novamente, o termo “mal radical” não se refere a algum conteúdo ...